abril 23, 2015

O dia do livro... é quando nós queremos!






Ontem, depois de um passeio no parque, o Rodrigo pediu para irmos à biblioteca. A "nossa" biblioteca tem um espaço simpático para os miúdos, em que eles se descalçam e podem mexer nos livros à vontade e jogar jogos. Àquela hora, estava vazia, apenas o silêncio, nós e os livros.
Gosto que eles se interessem por "ler" e ouvir histórias e que seja natural para eles manusear os livros. Acho que é uma excelente maneira de enriquecerem o vocabulário sem terem noção que estão a aprender. O Du às vezes rasga folhas dos livros, coisa que o mano nunca fez. Os livros que eram já do Rodrigo estavam como novos, até este mini-furacão os descobrir. O pequeno gosta de livros com animais e enquanto folheia entoa os sons de cada um. O Rodrigo já demonstra interesse ou desinteresse pelas histórias, consoante o que lhe diz mais.
O livro estimula-lhes a imaginação, o gosto pela leitura e desvia-lhes a atenção dos aparelhos electrónicos, dos estímulos imediatos. É das prendas que mais gosto de oferecer, a eles e aos amigos em festas de aniversário, e apesar de saber que na altura em que abrem o presente não lhe acham tanta piada como a um carro ou um super herói, sei que mais tarde lhe vão dar valor!

Livros que quero comprar-lhes em breve:

1. O cuquedo
2. Adivinha quanto eu gosto de ti
3. Somos diferentes
4. Coração de mãe


Se tiverem dicas de livros giros para estas idades, sou toda ouvidos! :)

Sofia**






2 comentários:

Anónimo disse...

Quando eu nasci.
A casa da Mosca Fosca
O monstro das festinhas.

(confesso que o cuquedo a mim e a elas desiludiu.)

Sofia Ferreira disse...

:)